sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

FOLIA DE REIS - REISADO ( 6 de janeiro ).

A Folia de Reis é uma festa religiosa de origem portuguesa, que chegou ao Brasil no século XVIII. Em Portugal, em meados do século XVII, tinha a principal finalidade de divertir o povo, enquanto aqui no Brasil, passou a ter um caráter mais religioso do que de diversão. 
No período de 24 de dezembro, véspera de Natal, a 6 de janeiro, Dia de Reis, um grupo de cantadores e instrumentistas percorre a cidade entoando versos relativos à visita dos Reis Magos ao Menino Jesus. Passam de porta em porta em busca de oferendas, que podem variar de um prato de comida a uma simples xícara de café.A Folia de Reis, herdada dos colonizadores portugueses e desenvolvida aqui com características próprias, é manifestação de rara beleza. Os receosos versos são preservados de geração em geração por tradição oral. 
Os instrumentos utilizados são: viola, violão, sanfona, reco-reco, chocalho, cavaquinho, triângulo, pandeiro e outros instrumentos. 
Os personagens somam doze pessoas e todos os integrantes do grupo trajam roupas bastante coloridas, sendo eles: Mestre, Contra-Mestre, os Três Reis Magos, Palhaço e Foliões.

1.O Mestre e Contra-mestre: donos de conhecimentos sobre amanifestação, são aqueles que comandam os foliões.

2.O Palhaço: com seu jeito cínico e dissimulado, deve proteger o Menino Jesus, confundindo os soldados de Herodes. O seu jeito alegre e suas vestimentas coloridas são responsáveis pela distração e divertimento de quem assiste à apresentação. Representando o Mal, usa geralmente máscara confeccionada com pele de animal e vai sempre afastado um pouco da formação normal da Folia, nunca se adiantando à "bandeira". Apesar de seu simbolismo, é personagemalegre, que dança e improvisa versos, criando momentos de grande
descontração.

3. Os Foliões: grupo composto de homens simples, geralmente de origem rural; são os participantes da festa que dão exemplo grandioso através de sua cantoria de fé.4.Reis Magos: os Três Reis Magos fazem a viagem da Esperança, certos de encontrarem sua estrela.

Até há pouco, podia-se ouvir ao longe ou, com sorte, encontrar, vindo de bairro distante, um grupo especial de músicos e cantadores, trajando fardamento colorido, entoando versos que anunciam o nascimento do Menino Jesus e homenageiam os Reis Magos. Trata-se, naturalmente, da Folia de Reis que, no período de 24 de dezembro a 6 de janeiro, Dia de Reis, peregrina por ruas à procura de acolhida ou em direção a algum presépio.
 Com sanfona, reco-reco, caixa, pandeiro, chocalho, violão e outros instrumentos, seguem os foliões pela noite adentro em longas caminhadas, levando a "bandeira" (estandarte de madeira ornado com motivos religiosos), a qual tributam especial respeito. Vão liderados por mestre e contra-mestre, figuras de relevância dentro da Folia por conhecerem os versos - são os puxadores do canto.

"Era meia-noite em ponto
Bateu asa e cantou o galo
Bateu asa e cantou o galo..."

"Que Jesus dê vida e saúde
Só voltamos para o ano
Só voltamos para o ano..."

Os foliões cumprem promessa de, por sete anos consecutivos, saírem com a Folia e arrecadar em suas andanças donativos para realizarem anualmente, no dia 20 de janeiro, Dia de São Sebastião, festa com cantorias e ladainhas.Durante a caminhada, é carregada a "bandeira" do grupo, um estandarte de madeira enfeitado com motivos religiosos.
 O ponto alto da festa se dá quando dois grupos se encontram. 
Juntos, eles caminham em direção ao presépio da festa, o ponto final da caminhada.


"Ó di casa, ó di fora
Qui hora tão excelente
É o glorioso santo Reis
Qui é vem do Oriente

Ó de casa, ó de casa
Alegra esse moradô
Que o glorioso santo Reis
Na sua porta chegô

Aqui está santo Reis
Meia-noite foras dóra
Procurou vossa morada
Pedino sua ismola

Santo Reis e Nossa Senhora
Foi passeá em Belém
São José pediu ismola
Santo Reis pede também

A ismola que vóis dá
Nois viemo arrecebê
O glorioso santo Reis
É quem vai agradecê

Santo Reis pede ismola
Não é ouro nem dinhêro
Ele pede um agitoru
Um alimento pros festero

Sôr dono da casa
Vem abri as portaria
Recebê santo Reis
Com sua nobre folia

Sôr dono da casa
Alevanta e cende a luz
Vem a ver santo Reis
O retrato de Jesus

Paremo na sua porta
Com oro na balança
Aqui tamo a sua espera
Da sua determinança

Deus te sarve casa nobre
Nos seus posto tão honrado
Ande mora gente nobre
Que de Deus é visitado

Deus o sarve a luz do dia
Deus o sarve a claridade
Deus o sarve as três pessoa
Da Santíssima Trindade

Deus o sarve as três pessoa
Com a sua santidade
É três pessoa divina
Aonde nasce a divindade

O sinal da Santa Cruz
É principo de oração
É o principo desse canto
Desta rica invocação

Deus te sarve oratóro
É coluna que Deus fez
Hoje tá visitado
Do glorioso santo Reis

Deus te sarve oratóro
Cum todo seus ornamento
Deus te sarve as estampinha
E as image qu’estão dentro

Deus te sarve as image
As pequena e as maió
Numa rica divindade
Sincerra em uma só

Sôr dono da casa
Alegra seu coração
Arreceba santo Reis
Com todo seus folião

Santo Reis desceu do céu
Cortano vento nas asa
Vei pedi um agasaio
Para o dono desta casa
Santo Reis e vem girano
Cançadim do trabaio
Procurô vossa morada
Pra pedi um agasaio

Santo Reis veio voano
Nos are fez um remanso
Procurô sua morada
Pra fazê o seu descanso

Sôr dono da casa
Muito alegre deve está
Do glorioso santo Reis
Hoje vei lhe avisitá

Concluímo este canto
Fazeno o siná da cruz
Pade, Fio, Esprito Santo
Para sempre, amém Jesus".

"Santos Reis vai despedindo
Deixando muita saudade.
Vai deixando muita benção
Pro povo desta cidade." 


Na cidade de Muqui, sul do Espírito Santo, acontece desde 1950 o Encontro Nacional de Folia de Reis, que reúne cerca de 90 grupos de Folias do Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo. É o maior e mais antigo encontro de Folias de Reis do país. 
O evento é organizado pela Secretaria de Cultura do Município e tem data móvel.

Na França, existe um costume antigo de consumir uma espécie de torta doce e recheada, a "Galette des Rois", em todo o mês de janeiro, e principalmente no primeiro domingo de janeiro, Dia de Reis.Ao comprar a galette em "Boulangeries" (padarias) ou "Pâtisseries" (docerias), o francês ganha duas coroas de papel. Essa tradição vem desde a época dos romanos, quando se colocava uma "fève" (fava) seca ou grãos de feijão dentro da torta para se escolher o "Rei do Dia".  
Quem encontrar a fava na sua fatia, é eleito rei por um dia e tem até o direito de escolher a sua rainha. Atualmente, essa fava seca foi substituída por uma figura de porcelana.É, com certeza, uma comemoração muito popular que faz a alegria de crianças e adultos.A "Galette des Rois" francesa é preparada com massa folheada e recheada com um "Crème Frangipane" (creme de amêndoas), muito perfumado e delicioso, receita criada pelo pâtissier francês Pascal Regnault, especialista também em crepes, galettes e outras delícias francesas.
 Na Itália e na Espanha, a galette é feita de pão doce em forma de coroa, decorado e recheado com frutas cristalizadas.
................................................

BOLO DIA DE REIS

200g de manteiga
200g de açúcar
200g de amêndoas em pó
4 ovos
75g de farinha de trigo
2 discos de massa folheada de 3ml de espessura
Fôrma de 22cm de diâmetro
2 ovos ligeiramente batidos para pincelar a massa

MODO DE PREPARO:

Bata em batedeira a manteiga com o açúcar e as amêndoas. Depois que a mistura clarear e crescer, junte aos poucos os quatro ovos, um de cada vez, sem parar de bater. Incorpore por último a farinha e bata mais um minuto, só para misturar.
Reserve na geladeira.

Montagem:

Coloque um disco de massa folheada na fôrma e espalhe por cima o creme. Coloque uma e cubra com o segundo disco de massa folheada. Pincele com ovo batido. Asse em forno pré-aquecido a 200°C, durante aproximadamente 25 minutos. Deixe esfriar, desenforme e sirva. 
Rendimento : 10 porções
.....................................................

  SIMPATIAS COM AS ROMÃS:

A romã é uma fruta  considerada um símbolo da fecundidade pela quantidade excessiva de sementes. A abertura da romã é associada a defloração. Ela é um símbolo do amor, da vida e da morte. Na Roma Antiga, jovens recém-casados usavam coroas de ramos de romãzeira. 
Na mitologia, Perséfone, após seu rapto, recusa qualquer alimento enquanto no reino dos mortos, mas ao saber de sua libertação, acaba comendo três sementes de romã que asseguram o seu retorno ao inferno e ao amante, por três meses a cada ano. 
Essa descida ao mundo subterrâneo possui uma conexão com o aspecto transformador do feminino. A opção de Perséfone, simboliza o reconhecimento de que não é mais a mesma donzela guardada até então, ciosamente, por sua mãe.
1) No dia de Reis, coloque três caroços de romã dentro da carteira para ter dinheiro durante o Ano Novo.

2) No Dia de Reis, dia 6 de janeiro, pegar uma romã e retirar 9 sementes pedindo aos 3 Reis Magos, Baltasar, Belchior e Gaspar que nesse ano que se inicia você tenha muita saúde, amor, paz, dinheiro.Depois pegue 3 das nove sementes e guarde num saquinho, papel, oque der. 
Essas sementes ficarão dentro da carteira para nunca faltar dinheiro.As outras 3 você engole e as últimas três que sobraram você joga pra trás fazendo o pedido que desejar. É infalível. Você pode não ficar rico, mas na sua carteira vai ter sempre algum dinheiro.
   

3) Coloque uma romã dentro de um saquinho de pano vermelho e ofereça aos 3 reis magos: Baltazar, Gaspar e Melchior. Pendure esse saquinho atrás da porta e deixe lá o ano inteiro.

4) Coloque três caroços de romã dentro da carteira para ter dinheiro durante o ano novo.

5) Retire 9 sementes de uma romã e peça aos 3 reis magos, Baltasar, Belchior e Gaspar, que neste ano que se inicia você tenha muita saúde, amor, paz, dinheiro. Depois pegue três das nove sementes e guarde em um saquinho, papel, o que der. Essas sementes ficarão dentro da carteira para nunca faltar dinheiro.As outras três sementes você engole e as últimas três que sobraram você joga pra trás fazendo o pedido que desejar. 

É infalível! Você pode não ficar rico, mas na sua carteira vai ter sempre algum dinheiro.
Desconheço a origem das fotos postadas acima.

67 comentários:

Rui da Bica disse...

É verdade Silvana, como me lembro de há muitos anos, dar uma volta pela vizinhança a cantar as JANEIRAS (chamavamos-lhe nós) e, assim de momento, lembro-me desta quadra:

A senhora desta casa
É bonita e corada.
Ainda mais bonita era
Se nos desse a consoada.

Hoje em dia, aqui em Portugal, muita coisa mudou. Já não se ouvem essas "reisadas" (também assim se lhes chamava).
.

Sonia Schmorantz disse...

O litoral de Santa Catarina e principalmente aqui, em Florianópolis, a colonização foi açoriana e até hoje se conserva grande parte dos costumes, principalmente este do terno de reis. É uma tradição muito bonita, embora antigamente fossem mais constantes. A vida no litoral muda muito no verão, as vezes até impossibilita que as festas continuem. Mas nas praias de pescadores o dia 06 ainda é muito festejado.
beijos menina, uma excelente semana para ti.

Denise Guerra disse...

Olá Silvana, nossa rica cultura levada de geração a geração e de porta em porta, é muito bom lembrar que quando criança também vi passar e cantar as quadrinhas de Reis e eu ficava encantada com o Palhaço, como era ágil e brejeiro. Recentemente conheci a folia de Reis de Paraty, todo ano tem muito bom! Parabéns pela postagem! Bjs!

louca esquizoffrenica disse...

Interessante Silvana, não fazia ideia dessa tradição. Muito giro mesmo.
Beijo

manuel marques disse...

Quando jovem e a residir na minha terra Natal, todos os anos cantava as janeiras.Belos momentos,grato por me os recordar.Bem haja querida amiga.

Beijo.

Luisa Moreira disse...

Silvana,

As Janeiras aqui já só se cantam nas aldeias, as cidades quase esqueceram tal coisa.

Heis umas das que ainda cantam:


Um Ano Novo entrou
As Janeiras vamos cantar
Pedindo a vossa bondade
De quem nos queira ajudar.



Janeiras, lindas Janeiras,
Senhores vimos cantar
Boas Festas e alegria
Vos queremos desejar.

Que todos os Mirenses
Tenham muitas felicidades
Presentes e ausentes
De todas as idades.

Senhores não demoreis
Que é muito frio o luar,
Vinde-nos dar as Janeiras
Que nós temos de caminhar.

Boas noites meus senhores
Até p'ró ano que vem
Alegria e paz em Deus
E na Virgem, Sua Mãe.



Beijinho

Luisa

Elizabeth disse...

Oi Amiga,
Vim para ficar sabendo um pouco mais, obrigada.
Beijos.

Anabela disse...

Ola,espero que tenhas tido umas boas entradas,aqui em braga apesar de ser cidade ainda se cantam os reis,ou seja as Janeiras,como chamamos,de dia são as crianças de escolas e colegios que cantam no centro da cidade aos comerciantes e trausentes,de noite são os grupo de jovens ou escoteiros que os fazem,cantam pelas ruas pois agora poucas pessoas abrem a porta,preferem vir as janelas,costumam canta

Aqui vemos nós
Todos reunidos
A cantar os reis
Aos nossos amigos
Não é por interessa
Mas por amizade
A cantar os reis,á comunidade,
esta é uma das muitas cançoes

Manuela disse...

Silvana obrigada pela visita!!!seu cantinho é lindo de morrer...um beijinho do tamanho do mundo.

Islene Teles disse...

Olá, Silvana!! Só hoje li seu comentário e fiquei super feliz! Achei sua proposta super coerente.
Seu blog é tudo de bom. Divulgarei e visitarei sempre. Grande bjo querida. Valeu.

Kimbanda disse...

Por aqui em Portugal como alguém já terá escrito, é nas aldeias e longe das grandes cidades que se faz um último e bonito esforço para continuar a tradição.
Como sempre é um prazer vir aqui.
Parabéns por este artigo tão completo e de interesse cultural.
Bj

Adriana disse...

Apesar da Folia de Reis ser tão tradicional no interior de MG confesso que nunca vi (uma pena), as simpátias com a romã também nunca fiz.
Mas faço todos os anos a oferta das folhas de louro no dia de Reis, você presenteia aos amigos com três folhas de louro para colocarem na carteira, para garantir que o dinheiro nunca falte durante o ano.
E você fica torcendo para ser presenteada com as tais folhas (no ano passado não fui presenteada com as folhinhas (ah como fiquei triste...), mas enfim...Ano Novo, nova expectativa.

Abraços.

Fatima disse...

Silvana,
dia seis vai ter um festão aqui na cidade. Depois vou fazer uma postagem bem bonita.
Amo folia de reis!
Bjs.

M. Lourdes disse...

Silvana
É pena que estas tradições estejam a cair em desuso, aqui em Portugal.
Ainda bem que no Brasil ainda se conservem.
Beijinhos

Nárriman Alcure disse...

Silvana, na cidade onde nasci, no interior do ES, ainda existe essa tradição. Quando era criança eu morria de medo do palhaço!! Dava crise de choro quando se aproximava de mm!..rss

Gerana Damulakis disse...

Ainda ontem eu perguntei a uma pessoa qual é o dia dos reis. Eu estava na dúvida se é dia 4 ou dia 6. A pessoa disse que também estava em dúvida, mas se é dia 6 ou dia 9. Daí, como o dia 6 foi mencionado por nós dois, deduzi que é dia 6. Para vc ter uma ideia do quanto vai se perdendo a tradição, e é uma tradição tão bonita.

Daniel Savio disse...

Menina, á estava estranhando a tua sumida...

Mas aqui na minha cidade tinha a Folias de Reis, pena que atualmente não tenha mais visto.

Tenho um amigo que mora em Muqui, sendo que agora me interessei em visita-lo por causa do encontro lá realizado.

Fique com Deus, menina Silvana.
Um abraço.

Zé do Cão disse...

Mas o que eu aprendi para aqui.
As Janeiras só as oiço, quando um grupo de aperaltados vão fazer o beijo mão ao Presidente da Republica.
Que saiba,no sitio onde nasci e vivi nunca foi costume essas cantorias.
Em relação ao dia de Reis, sei que em Espanha é nesse dia que o "menino" vai trazer as prendinhas, colocadas na janela aos seus protegidos. E há tantos, tantos como em Portugal, que ficam a chorar por verem a janela vazia.

Um bom fim de ano

Andrea Guim disse...

Oi, Silvana!

Sou doida para apreciar esta festa ao vivo! Gosto de pintar as festas folclóricas do Brasil. Já fiz 2 folias de reis (vendidos) e muitos Bois-Bumbás, que são um sucesso com os gringos!
Boa semana e Feliz Ano Nooovooo!!!
Beijins

Ana Isabel disse...

É muito importante preservar e divulgar as tradições..

Obrigada por fazê-lo.


Um abraço amigo.

ஜ♥_Sabrith_♥ஜ disse...

Ola Silvana
Obrigada pela visita
Seja sempre bem vinda ao meu espaço.
Vendo a foto dessa romã me deu água na boca, é uma fruta que eu gosto muito, mas é dificil de se achar para comprar.
Boa Semana
Bjokas;D

Anna disse...

Muita alegria e Paz neste 2010.
Beijos

Artes da Marga disse...

Oi Silvana!
Adorei a história do Santo Reis pq cresci vendo eles todo ano na minha cidade (Martinópolis). Lá eles passam arrecadando alinemtos para fazerem um almoço no dia 6. Os convidados são as pessoas das casas por onde passaram. Tenho foto da minha filha bebê no colo do palhaço rsrsrsr
Não vejo mais nada por aqui onde moro (Pres. Prudente).
Que Deus te dê 2010 motivos para ser mais feliz.
Bj
Margarida

Paula Silva disse...

Ola Silvana
Venho retribuir a sua visita e agradecer por ser minha seguidora ,um bom ano para si.bjs

Fernanda disse...

Amiga Silvana,

História bem documentada e muito completa, mas diferente da nossa em Portugal.
A vossa é bem mais animada.
Aqui recebemos agora, vários grupos de cantadores das Janeiras, que não querem comida, nem um copo, só dinheiro...
Como são muitos, demais mesmo, não há mais carteiras recheadas para tanta gente, ai quase tudo o mundo fecha portadas e desliga as luzes, e faz de conta que não está ninguém em casa.

Por mais que se goste da música alegre, lá se foi a tradição.

Beijinhos

Antonio disse...

Oi,Silvana!
seu blog é lindo e necessário..parabéns pelo trabalho..Feliz Ano Novo !!

Maria Faia disse...

Interessante este costume brasileiro!
E, ter origens portuguesas ainda mais, tanto que, em Portugal, não me lembro de dele ouvir falar.
A nossa tradição é mais parecida com a francesa. Por cá usamos o "Bolo Rei" e, até há poucos anos ainda se colocava a fava dentro do bolo.
Muito obrigado pela visita e por esta partilha.
Desejo um EXCELENTE ANO NOVO para si e seus entes queridos.

Maria Faia

Maria Faia disse...

Interessante este costume brasileiro!
E, ter origens portuguesas ainda mais, tanto que, em Portugal, não me lembro de dele ouvir falar.
A nossa tradição é mais parecida com a francesa. Por cá usamos o "Bolo Rei" e, até há poucos anos ainda se colocava a fava dentro do bolo.
Muito obrigado pela visita e por esta partilha.
Desejo um EXCELENTE ANO NOVO para si e seus entes queridos.

Maria Faia

Malu disse...

Olá
Estava pesquisando sobre Folia de Reis e cheguei até aqui!
Adorei seu blog! Voltarei sempre aqui para consultar...
Se me der licença, vou colocar uma parte da sua pesquisa,citarei a fonte.
um grande abraço e obrigada.
Feliz 2010 para você!
Malu

paulo vieira disse...

oi silvana, que maravilha esse seu blog! vou visitá-lo sempre, abç!
e feliz ano novo!

REGINA GOULART SANTOS disse...

Oi Silvana, bela postagem, como sempre.
Aqui em casa, a Romã já foi presenteada, e estamos aguardando a chegada do dia 06. No dia 20, iremos na Catedral assistir a missa e agradecer as bençãos.
Realmente, é infalível.

Desejo a ti, Silvana, o melhor que a vida possa lhe oferecer, incluindo, paz, amor e realizações de todos os sonhos.

Beijos mil

Sônia Silvino disse...

Silvana!
Hoje tu arrasaste! Até receita, guria! Serviço completo, hein?!
Bjkas, minha fadinha da floresta!

Lilian disse...

Me encantei com seu blog,passei p/ agradecer sua visita no meu blog e fiquei encantada ao ver tantas fotos lindas q fazem parte da nossa cultura...Parabéns!!!Muito bom ver coisas boas,é sinal de que meu ano será maravilhoso,pois sei q nw luto sozinha por querer 1 Brasil melhor e uma educação digna.Abraço carinhoso...

Zezinha Sousa disse...

Olá, Silvana, Obrigada pela visita,
Vim novamente passear por esse espaço mágico e encantador.Peguei seu link. TUDO de bom pra vc nesse novo ano. Bjos!!!!!

ZildaeAntonio disse...

Oi, Silvana
Parabéns por preservar e divulgar a cultura e o folclore do nosso país.
Um feliz 2010 com paz, saúde e muito amor!
Um abraço e tudo de bom!

GERALDA EFIGÊNIA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
GERALDA EFIGÊNIA disse...

Silvana,
to sempre passando por aqui para aprender mais. Aqui na minha cidade o dia de reis é comemorado com muita festa, shows e procissões, existe até um bairro chamado de Santos Reis.
Parabéns por tão significante trabalho de pesquisa. Abraços

Alexandre Lobão disse...

Oi Silvana!

Passei por aqui para devolver a gentileza pela visita ao meu blog, e gostei muito de seus textos! Este registro/resgate de nossas raízes para a geração videogame/twitter é essencial!
Parabéns e continue com o lindo trabalho!
Forte Abraço!
Alexandre Lobão
tp://dicasdoalexandrelobao.blogspot.com/

Lou Vilela disse...

Seu blog é lindo e de um valor incomensurável!

Obrigada pela visita e pelo link!

Abraços,
Lou

Kariny Diniz disse...

Oi Sil!
Olha a intimidade,kkkkkk.
É um prazer receber vc no meu cantinho, volte sempre.
Adorei conhecer um pouquinho de vc.
Seu cantinho é espetacular, tem muita informação.
As histórias, as imagens...nossa a Natureza...q liiiinda!
Nossa amei mesmo, q bom conhecer vc, depois eu volto, bjão!

Cátia e Jacques disse...

Obrigada por visitar meu blog! Volte sempre! Um excelente 2010 pra ti! Um grande beijo...

Cleverton Silva disse...

Olá, Silvana!
Parabéns pelo blog. Me apaixonei pelos contos e tradições que você aborda. Vi o seu blog através do blog de Gladston Barroso (do Válvula de Escape), ele é um amigo meu daqui de São Cristóvão.
Também tenho um blog: www.porsaocristovao.blogspot.com
Falo um pouco sobre o cotidiano da cidade onde vivemos e respiramos muita cultura, atuo com ambientalismo também e gostei muito das suas "Saudações Florestais". Tudo de bom e sucesso pra você!
Cleverton Silva

Regina Fernandes disse...

Oi Silvana

Hoje é Dia de Reis! Adoro a Folia e suas tradições!

Aproveito para te desejar um ano maravilhoso com muita saúde, alegrias, sucesso e tudo de bom que você desejar.

Bjs

Soninha disse...

Olá, Silvana!
Em visita ao blog do Jens, deparei-me com seu comentário. Achei interessante o assunto e vim conferir.
Que legal! Adorei as informações. Trouxe-me a lembrança da infância distante, quando em meu bairro acontecia a festa do reisado. Amigos e vizinhos reuniam-se para, durante a noite, visitarem as casas, levando a bandeira e cantando as canções.
Depois, já adulta e casada, em minha rua também acontecia o ritual no dia de Reis.
Que saudade!
Valeu, Silvana.
Vou lhe linkar para voltar mais vezes e ler seus relatos.
Parabéns pelo seu espaço. Adorei!
Feliz 2010!
Muita paz! Beijosssssssss

Sutana disse...

Hoje é o dia!!!!!!!!!
Muito obrigada pela visitinha, vim agradecer e conhecer seu lindo e informativo blog.Parabéns ....bjusss

fénix renascida disse...

Ainda por cá se mantém, em algumas regiões, o hábito de cantar as Janeiras. Fazem-no, habitualmente, no dia 6 de Janeiro (hoje, portanto), Dia de reis. Também se pode chamar Cantar dos Reis.
Pelo que vi, aí no Brasil esta tradição ganhou outras características, muito vossas.Cheia de côr. Julgo que as nossas fossem principalmente de carácter religioso, e parece-me a mim que ainda se mantêm, aliado, é claro, ao lúdico.
É tradição, por cá, comer doze bagos de uva ou de romã na passagem de ano, uma por casa mês do novo ano, acompanhado por um desejo.
Já o nosso bolo-rei também pode levar fruta cristalizada e passas (eu adoro este bolo precisamente por isso!), sendo que outrora continha, no seu interior, uma fava e um brinde. A pessoa a quem coubesse a fava teria de comprar o bolo no próximo ano. Hoje é proibido, por envolver o risco de asfixia por ingestão acidental.

Tenciono ir buscar informações mais precisas que irei colocar num dos meus blogs (eventualmente no PAPILLON MAGIQUE). Aguardo a vossa visita.

A todos um 2010 muito feliz! Bjs:)

Mal-Me-Quer Bem-Me-Quer disse...

Olá Amiga!!!
Cá estamos nós de volta à nossa vidinha normal, depois destes dias de descanso.
Que este Novo Ano seja o concretizar de muitos Sonhos, que continuemos as nossas visitas pelos Cantinhos da Blogoesfera.
Amiga adorei o teu Post, está o máximo...Amei.
Beijocas
Ana

Francisco Sobreira disse...

Silvana,
Ao passar por aqui para agradecer e retribuir sua visita ao Luzes da Cidade, assisto à uma verdadeira sobre a festa de Reis. Um abraço.

Carlinhos do Amparo disse...

Parabéns pelo blogue! Muito bom!!!

b disse...

VOLTO PRÁ LER COM CUIDADO, O CUIDADO QUE MERECE.
AGORA VOU TRABALHAR, VIZINHA.
SOFRO O MESMO QUE VOCÊ - CARIOCA MORANDO AQUI HÁ ANOS E NÃO ME ADAPTEI COM AS PESSOAS.
O QUE ME SALVA É QUE TENHO PARENTES AQUI E COMO , SE NÃO NASCIDOS, CRIADOS TAMBÉM NO RIO, DÁ PRÁ LEVAR.
MUUUIIIITO A ESCREVER SOBRE ISSO MAS O IMPORTANTE É GASPAR, BELCHIOR, BALTAZAR, QUE ERAM DAS 3 RAÇAS, 1 NEGRO 1 BRANCO 1 AMARELO, SINTETIZANDO A HUMANIDADE EM REALEZA NA REVERÊNCIA AO CRISTO E OFERECENDO O OURO PARA O REI CRÍSTICO, O INCENSO PARA A DIVINDADE CRÍSTICA E A MIRRA PARA O CORPO (A HUMANIDADE CRÍSTICA).
MUTO BOM!
VOLTAREI PARA LER COM CALMA.
1 ABRAÇO E SE QUISER, ENVIA E MAIL, QUE ESTOU AQUI.
NO PERFIL TEM.
ABRAÇOS.
E PARABÉNS PELA BELA POSTAGEM.
obs: ATÉ 1996, Petrópolis tinha um reisado que descia de uma comunidade e se espalhava pelo bairro que esqueci o nome .
Mas, este povo é tão desprovido de capacidade de acolhimento, que o reisado agora só se faz nas casas dos mais antigos da tal comunidade.
Que pena!
MAS VIVA AOS REIS!
obs2: Mel é alimento solar (tenho uma postagem antiga sobre isso) e o óleo, primeiro devido à necessidade frente ao clima das Arábias mas também com o significado de bálsamo - terapia e prevenção , dependendo da essência.
Outro abraço.

CoisaseCrafts disse...

olá Silvana! obrigada pela sua visita no meu cantinho, adorei! tem um blog excepcional, com muitas lendas,dicas e histórias fascinantes! também fiz o típico Bolo Rei que tanto aprecio nesta época e os meus colegas adoraram!
e vou fazer a mezinha da romã, das nove sementinhas para este Novo Ano! vamos ver! a fé move milhões!
beijinhos e abraços!

Amapola disse...

Eu amo FOLIA DE REIS e CONGADO...
Conheci esse folclore quando tinha cinco anos de idade. A melodia, letra, figurino... tudo se misturou na minha alma, fazendo parte do meu eu.
Sempre pensei que essa maravilha tivesse vindo da África, através dos escravos.
Obrigada!!!!!

Veronica Kraemer disse...

Silvana, eu ameiiii seu blog, suas idéias, tudo de bom!!!
Muito obrigada por dividir conosco tanta sabedoria!!!
Beijão e tudo de mais mará pra ti, sorte, sempre!!!
Vero:)

Amapola disse...

Me senti muito honrada, com a sua visita ao meu simples blog.
Os seus, são uma fonte de cultura.
Vou me deliciar deles, todos os dias.
Muito obrigada!!!!

Maria disse...

Por em Portugal as tradições ainda existem mas, mais nas Aldeias, e muito mais para o interior de Portugal e mais ao norte,
junto ao litoral é uma zona de grande turismo, e têm esquecido as verdadeiras trandições...estão muito modificadas.

gostei imenso do seu blog obrigada pelo convite e visita.

:)) mágico abraço

Feliz dia de Reis

Regina Rozenbaum disse...

Oi Silvana
Já de volta gostaria de agradecer a mensagem de ano novo que me deixou no blog! Obrigada!!! Para você e toda a família desejo que as bençãos do PAI de abundância, prosperidade,saúde, harmonia e muito amor caiam sobre vocês ao longo de todos os dias desse 2010! À propósito, hoje dia de Reis faço na minha casa, há anos, a cerimônia da romã e posso "GARANTIR" que podemos até não enriquecer rsrs, mas que temos abundância suficiente para darmos conta de nossos compromissos!
Beijuuss n.c.
Regina
www.toforatodentro.blogspot.com

Miguel S. G. Chammas disse...

Fiquei agradecido por te saber seguidora do meu cantinho de rabiscos.
Vim até aqui te agradecer e arrisquei uma rápida leitura. Gostei demais do que li e voltarei mais vezes.

Tetê disse...

Oi Silvana! Eu já conheço esse seu maravilhoso cantinho... sou a mesma Tetê do EcoBlog! Fiquei feliz de você ter ido conhecer o Livre Pensamento. E será um prazer recebê-la sempre lá também! Eu já tive o prazer de ver ao vivo uma Folia de Reis, lá em Paraty. Vou mentir se arriscar o ano, mas foi nos anos 90. É uma festa muito lindo e que não se deve deixar acabar. Esse ano não consegui nenhuma romã... mas fiz a simpatia com sementes de uva. O que vale é a fé, né? Bjks e saudações florestais! Tetê

Maria João disse...

Olá Silvana. Visitei os teus 2 blogs e gostei mais deste, ao qual voltarei mais vezes.
Agradeço a visita que me fizeste e espero encontrar-te mais vezes.

Aqui em Portugal, celebra-se muito o dia dos Reis; normalmente, é quando desmontamos a árvore de Natal e damos por terminada a época natalicia.

soninha. disse...

Que show,menina! Aqui na nossa cidade há algum tempo esqueceram da Festa de Reis o que é uma lástima.bjs e paz.

Amapola disse...

No meu comentário anterior eu incluí o Congado... Mas ele, realmente veio da África, né? E é no mês de Setembro.

Fátima disse...

Silvana,me chamou a atenção o tema "Folia De Reis", pois tenho um sobrinho que a muitos anos participa de um grupo, passa pela minha casa todos os anos, trazendo paz e bençãos, e expulsando o que de ruim possa ter.
Estava montando um texto para postar, pois tenho fotos e filme.
Tivemos um problema com o laptop onde está todo material.
Volto pra falar com você sobre a possibilidade de lhe enviar quando conseguir recuperar.
beijo, fique bem

Isabel José António disse...

Neste Dia de Reis, vimos desejar um Feliz Ano Novo!
Depois de um ano terrível, actualizámos finalmente os nossos blogues.

Um abraço,

Isabel e José António
6 de janeiro de 2011

http://voolongo.blogspot.com/

http://flordojacaranda.blogspot.com/

http://reflexoessentidas.blogspot.com/

http://diarioestetico.blogspot.com/

http://newsletterfromlisbon.blogspot.com/

Isabel José António disse...

Querida Silvana,

O que mais admiramos em seu blogue é a vertente fortemente cultural e estética! Parabéns pelo belíssimo trabalho! Grande abraço,

Isabel

Bergilde Croce disse...

Silvana,já faz um tempinho que não venho aqui,mas é sempre um grande incentivo ao conhecimento da nossa cultura brasileira o que você propõe aqui.
Do dia de reis tenho lembrança de quando menina vinham senhores idosos com triângulos e sanfonas cantando rimas à meia noite e me assustavam,mas meu pai depois explicava que era somente pra pedir ajuda pra nossa paróquia,enfim, compreendo e sinto saudades daquele tempo.Aqui na Itália, a tradição folclórica trata a data com um personagem chamado 'befana'(uma velha bruxa que dá doces e presentes às crianças boazinhas neste dia).
Abraços,
Bergilde

Anônimo disse...

Silvana. eu aqui em uberaba mg. gosto muinto de compahias de reis. e navegando encontrei esta pesquisa de grande riqueza de informação. e é muinto gratificante saber que a tantas pessoas conhecem e dão depoimento sobre os trés reis.eu em todas as festa que eu vou, eu gravo e coloco na rede youtube.sem muinta qualidade devido ao equipamento e a minha falta de conhecimento. mas estou tentando divulgar a nossas compamhia de reis.p/gostar e ter muita fé.obrigado por nos dar a oportunidade de nos enriquecer com a sua pesquisa.

Orvalho do Céu disse...

Olá,querida Sil
Participei muito de folia de Reis na infância e ficava contente de ver o batuque ritmado dela.. ainda dávamos algo pra comerem e beberem aos participantes com roupas coloridas e era uma alegria só...
Muito bom esse dia com um significado especialíssimo!!!!!!
Bjm de paz e alegria