quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A ORIGEM DA ÁRVORE DE NATAL.


A "Árvore de Natal", conhecida em algumas regiões da Europa como a "Árvore de Cristo", desempenha papel importante na data comemorativa na época do Natal.
Os relatos mais antigos que se conhecem sobre o surgimento da  árvore de natal datam de meados do século XVII e são provenientes da Alsácia, província francesa.
Descrições de florescimentos de árvores no dia do nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo levaram os cristãos da antiga Europa a ornamentar suas casas com pinheiros no dia do Natal, única árvore que na neve permanece verde.
A "Árvore de Natal" é um símbolo natalino que representa um agradecimento pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.
O costume de preparar este belo complemento do presépio foi passando de vizinhança em vizinhança, alcançando hoje até países onde a neve é um fenômeno desconhecido.
Uma outra versão nos conta que a origem da árvore de Natal é mais antiga que o próprio nascimento de Jesus Cristo, ficando entre o segundo e o terceiro milênio A.C. Naquela época, uma grande variedade de povos indo-europeus que estavam se expandindo pela Europa e Ásia consideravam as árvores uma expressão da energia de fertilidade da Mãe Natureza, por isso lhes rendiam culto.
O carvalho foi, em muitos casos, considerado a rainha das árvores. No inverno, quando suas folhas caíam, os povos antigos costumavam colocar diferentes enfeites nele para atrair o espírito da natureza, que se pensava que havia fugido.
A árvore de Natal moderna surgiu na Alemanha e suas primeiras referências datam do século 16. Foi a partir do século 19 que a tradição chegou à Inglaterra, França, Estados Unidos, Porto Rico e depois, já no século 20, virou tradição na Espanha e na maioria da América Latina.

(Fonte: Natal no Mundo)




29 comentários:

Ana Isabel disse...

Sempre interessante de ler.

Desejo-te um Bom Natal e que o ano de 2010 te traga tudo o que desejares.

Que o teu espaço continue a ter agradáveis momentos de leitura e de partilha de conhecimentos.

Um abraço e um beijinho

maria só disse...

Minha amiga da floresta, tenho andado um pouco afastada devido a problemas pessoaus que pouco apouco sde vão resolvendo, ainda te devo a resposta ao te comentário, mas hoje, porque tenho pouco tempo dsiponível quero apenas deixar o meus
votos de um santo e feliz NATAL!
Beijinhos portugueses!

Misturação - Ana Karla Tenório disse...

Boa Tarde Silvana, passei pra desejar-lhe um lindo Natal!
Xeros!

Misturação - Ana Karla Tenório disse...

Boa Tarde Silvana, passei pra desejar-lhe um lindo Natal!
Xeros!

Fernanda disse...

Amiga Silvana,

Não li seu texto, estou sem tempo agora, volto depois.

Que este dia possa trazer
momentos de fé e de esperança.
Que possa fazer deste dia...
todos os dias da sua vida.
Que a paz possa reinar...
eternamente no seu coração...
Deixando que a alegria...
se manifeste em todos os momentos
da sua vida.

São os meus sinceros desejos...
para si neste Natal.

Beijinho

Rosa Carioca disse...

Queria aproveitar para desejar-lhe um Feliz Natal e um Óptimo Ano Novo.
Beijinhos.

Cris Oliver ਏਓ disse...

Oi querida, muito obrigada pela visita e pelo carinho.

Quero desejar a você e a toda a sua família.
Um feliz Natal e um maravilhoso ano novo.
Muita saúdeamorpaz e muito sucesso.
Que todos os seus desejos se realizem neste novo ano.

Beijos
Cris

manuel marques disse...

Interessante.

Beijo.

Daniel Savio disse...

Interessante, mas por que o pessoal tem mania de efeitar a árvore com pipocas?

Meio que pensei nisto agora...

Fique com Deus, menina Silvana.
Um abraço.

Em@ disse...

Obrigada pela visita.
Boas festas para si também.
Tenho mais umas origens diferentes da árvore de Natal , mas de momento não as posso procurar.
1 Abraço.

Denise disse...

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...Mas será que poderia me dar uns minutos da sua atenção?Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você.
Para onde vão todos?
Os shoppings estão lotados...Crianças são arrastadas por pais apressados, em meio ao torvelinho...
Há uma correria generalizada...
Alimentos e bebidas são armazenados...E os presentes, então?
São tantos a providenciar...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Mas qual é o motivo dessa correria?
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Talvez você nunca tenha notado que há pessoas que oferecem presentes por mero interesse...
Que há abraços frios e calculistas...
Que familiares se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação.
Mas já que você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: para que tanta correria?

Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: "viva Jesus, feliz Natal"!
E os sóbrios comentam: "é louco!”.
E a cidade se prepara...
Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
E quem vive sem caridade desconhece o encanto do mar que incessantemente acaricia a praia, num vai-e-vem constante...

Natal é fraternidade...
E a vida sem fraternidade é como um rio sem leito, uma noite sem luar, uma criança sem sorriso, uma estrela sem luz.
Mas o Natal também é união...
E a vida sem união é como um barco rachado, um pássaro de asas quebradas, um navegante perdido no oceano sem fim.
E, finalmente, o Natal é pura expressão do amor...
E a vida sem amor é desabilitada para a paz, porque em sua intimidade não sopra a brisa suave do amanhecer, nem se percebe o cenário multicolorido do crepúsculo.
Viver sem a paz é como navegar sem bússola em noite escura...
É desconhecer os caminhos que enaltecem a alma e dão sentido à vida.
Enfim, a vida sem amor...
Bem, a vida sem amor é mera ilusão.
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem pela Terra deu origem ao Natal...
Texto da Equipe de Redação do Momento Espírita.
meu carinho
De

alegria de viver disse...

Olá querida
Gostei da explicação muito legal.
Desejo um FELIZ NATAL e PROSPERO ANO NOVO.
Com muito carinho e alegria BJS.

Cris disse...

Olá,estou retribuindo a visita, sou estudante de história e parabéns pelo seu blog, apesar de ser parecido com o meu, tem muita diferença, mas nosso país é feito de diferenças, de culturas diferentes e rico em diveridade cultural, moro na bahia, no interior da bahia, sou defensora da valorização dos afro-descentes por acreditar que foram sempre relegados a segundo plano. Estou na luta também a favor de uma Educação igualitária,em defesa da escola pública.Conte comigo se realmente precisar e beijos fraternos.
Feliz Natal

walter disse...

Passo, deslumbrado por seu post natalício, para lhe enviar os meus sinceros votos de um Santo e Feliz Natal, extensivo a todos os seus entes queridos.
Muita paz, saúde e harmonia.

Beijo grande
Walter

Luisa Moreira disse...

Silvana,

Mais um ensinamento, nesta enciclopédia , que é o seu blogue.

Tenha um Feliz Natal, e que 2010 lhe continue, a dar coragem para nos dar a conhecer, lendas e saberes.

Abraços

Luisa

Lira Santos disse...

Que neste Natal
Aquela magia toda guardada durante todo o ano
Venha presente nos corações daqueles que festejam o amor.
Que não apenas seja uma comemoração,
Mas um início para uma nova geração.
Feliz Natal!!!

Gerana Damulakis disse...

Árvores, então, são mais importantes do que eu já sabia que eram.
Feliz Natal!

Fabiano Mayrink disse...

Silvana obrigado pela mensagem deixada la no blog ;)

eu acho lindo a decoraçao de natal, bem legal suas explicaçoes pois muita gente nao sabe a origem dela, abraços!

Siilvia disse...

Silvana,
desejo que tenhas um lindo Natal e que no próximo ano tenhas muito sucesso e alegrias. E que continues nos oferecendo esses textos tão interessantes.
Abraço

Pablo Falcão disse...

Legal, Silvana. Postarei um sobre o natal, relacionado os ícones cristão (jesus) e mercantil (papai noel), espero que curta. abraços e votos de um 2010 repleto de inspiração e realização para vc e para os seus

Pablo Falcão disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
o mar e a brisa do prazer de aprender disse...

Que o seu Natal tenha uma árvore linda igual ao seu coração.
Que juntas possamos agradecer mai sum final de ano com saúde e paz. Bjus criativos e um 2010 repleto de muiiiiiiiiiiiiiiito verde.

REGINA GOULART SANTOS disse...

Silvana, suas leituras sempre acrescentam e são agradabilíssimas.
Particularmente, adoro árvores de Natal, e de preferencia com bastante luz.

QUe seu Natal seja sublime, e Ano Novo, repleto de paz, saúde, prosperidade, sonhos realizados, muita conquistas, e as mais lindas lendas e histórias que aquecem e somam conhecimentos.

Um Feliz Natal !

Suely disse...

Minha amada venho agradecer seu carinho e sua atenção nesse ano que se finda,sigo pedindo ao Mestre muita benção e muita luz no seu caminho.Um feliz Natal e Um Ano de Paz e Sabedoria. São os votos da amiga Suely.


ALGO MAIS NO NATAL

Senhor Jesus!
Diante do Natal, que te lembra a glória na manjedoura, nós te agradecemos:
a música da oração;
o regozijo da fé;
a mensagem de amor;
a alegria do lar;
o apelo a fraternidade;
o júbilo da esperança;
a bênção do trabalho;
a confiança no bem;
o tesouro da tua paz;
a palavra da Boa Nova;
e a confiança no futuro!...
Entretanto, oh! Divino Mestre, de corações voltados para o teu coração, nós te suplicamos algo mais! ...Concede-nos,
Senhor, o dom inefável da humildade para que tenhamos a precisa coragem de seguir-te os exemplos!

EMMANUEL
(Do livro “Luz do Coração”, Francisco Cândido Xavier - Edição CLARIM)

louca esquizoffrenica disse...

Tão giro, não sabia a origem da árvore de natal, mas agora já sei! Feliz natal e um ano iluminado como a árvore. beijo

RESILIÊNCIA disse...

silvana

Um grande abraço e feliz natal

patiinhu.com disse...

vlww a dica!


=)

Priscila disse...

Parabéns pelo trabalho mesmo , pode deixar que sempre aqui estarei acompanhando .
amei seu blog :)

bjs

Eliana disse...

Bom dia Silvana.
Uma das versões para a origem da Árvore de Natal diz, que Martinho Lutero, num Natal depois de ter feito a Reforma, resolveu enfeitar o pinheiro que havia no seu jardim para comemorar o nascimento de Jesus. Dentre os inúmeros hinos que compôs, constam também alguns cânticos de Natal para crianças.
Beijos e um lindo Natal e um feliz 2011!
Eliana - @elianabess