sábado, 20 de março de 2010

DIA DO CONTADOR DE HISTÓRIAS.

“Os pais narrativos serviam-se  de seu poder de dizer coisas significativas a seus filhos, dia após dia, até perceberem que eles estavam deixando de dar  ouvidos.
Era hora de deixá-los falar por si mesmos. 
O amor entre eles continua –
mas seu poder acabou”



-ranqueles- 
(índios sul-americanos dizimados no final do séc. XIX).
...........................................

O NASCIMENTO DO AMOR
- Lenda Kaxinauá -

Há muito tempo...na época dos avós dos nossos avós
Numa aldeia Kaxinawá no ocidente da Amazônia brasileira
O primeiro homem e a primeira mulher ...olharam para o céu.
Olharam...olharam...olharam...e viram...o sol e viram...a lua
Olharam... olharam...olharam e perceberam...o sol e a lua entreolhavam-se.
O primeiro homem e a primeira mulher entreolharam-se...
Com curiosidade...
Era estranho o que tinham entre as pernas...
Olharam-se... olharam-se...olharam-se...
O homem perguntou à mulher... te cortaram?
Não... sempre fui assim,
Respondeu a mulher.Ali havia uma chaga aberta!
Então o homem convidou-a a sentar-se.
Não te preocupes
não te preocupes
não te preocupes
Eu te curarei... eu te curarei...
Não comas mandioca
não comas banana-da-terra
não comas nada que se abra ao amadurecer...
Eu te curarei...
O homem saiu, foi à floresta.
Retornou com umas raízes, uns galhos e uns cipós...
Preparou um unguento e passou no corpo da mulher.
Não te preocupes
não te preocupes
Eu te curarei.
Beijou-a. Saiu. Foi à floresta.
Retornou. Trouxe folhas, ervas e flores.
Preparou um chá e deu para mulher beber...
Repetia. Não te preocupes
            não te preocupes
            eu te curarei
Saiu. Foi à floresta.
Retornou eufórico, saltitando e gritando.
Encontrei! Encontrei!
Acabara de ver um macaco curando a macaca na copa de uma árvore...
Convidou-a para um abraço, dizendo: é assim, é assim...
Abraçou-a fortemente.
Dos corpos entrelaçados exalou um perfume de cipó,
galhos, raízes, folhas, ervas e flores...
Com tal fulgor
Que o sol e a lua
Envergonhados
Esconderam-se...formando o primeiro eclipse...
Mas, o homem e a mulher continuavam abraçados.
É assim... é assim...
Com tal fervor
Que até os deuses
Morreram de vergonha
Mas... o homem e a mulher continuaram.
É assim... é assim...


HOJE É DIA DO CONTADOR DE HISTÓRIAS:

PARABÉNS PARA  NÓS OUTROS !
Afinal, sempre temos uma história para contar. 

(Desconheço a autoria da foto publicada acima).

65 comentários:

Naty Araújo disse...

Que ótimo, Sil...
Amei a história de hoje e não sabia que hoje era nosso dia rsrsrs.

Espero que vc continue dando o ar de suas histórias a cada dia, tuas lendas são fascinantes.

Um grande beijão, querida... Ótimo fim de semana.

orvalho do ceu disse...

Oi, Sil
Lindo!
Parabéns pra vc...
Tenha sempre muita inspiração, querida blogueira.
Aliás, está duas vezes de parabéns, pois é o dia da blogueira também...
Bjs e ótimo outono pra vc.

Juliana Pires disse...

De um longo abraço surge o amor!
Parabéns para todos os contadores de historias pelo seu dia!

Beijos

Pérola disse...

Que lindo amiga.
Mais uma história para contar aos pimpolhos da escola rs.
Um beijo e obrigado por nos ofertar suas belas postagens.
Uma linda tarde.

Lívia S. Franzoni disse...

Oiiiee Sil...

Que história mais linda... A pureza e a inocência das palavras me deixaram encantda...
Parabéns à você por ser essa contadora de histórias tão especial e por resgadar uma parte da nossa cultura as vezes esquecida!

Bom final de semana...
Bju

manuel marques disse...

Linda história .

Beijos.

Chica disse...

Parabéns pra ti que sabes contar comopoucos o que viste ou ouviste falar! beijos, tudo de bom e que se resolvam os problemas saNET!chica

Eliana Pessoa disse...

PARABÉNS PELO SEU DIA !
AMO OS CONTADORES DE HISTÓRIAS QUE TRAZEM COISAS LINDAS COMO ESSE POST !!
BJIM

Pedrasnuas disse...

BELA FORMA DE CONTAR COMO O PRIMEIRO HOMEM E A PRIMEIRA MULHER DESCOBRIRAM COMO COPULAR.

GOSTEI MUITO...

BEIJINHOS E BOM FIM DE SEMANA

Flora Maria disse...

Parabéns Silvana, grande contadora de histórias !

Gostei muito do texto que fala do pai que conta histórias para os filhos enquanto eles ouvem.
Meu pai era assim e eu absorvi muita coisa.
Também usei meu poder e contei muitas histórias com ensinamentos, enquanto eles me ouviam. Vez por outra surpreendo-me quando eles repetem as minhas palavras, agora como suas. É muito bom...

Beijo

C@urosa disse...

Olá minha cara Silvana Nunes, sempre muita informação e cultura por aqui. Como eu gosta de ouvir histórias nas noite de verão, nas calçadas do meu bairro, sempre tinha um idoso sentado contando uma bela história que encantava e agitava minhas fantasias..

Paz e harmonia,

forte abraço

C@urosa

Pelos caminhos da vida. disse...

Adorei a história, gosto de suas postagens amiga.

Feliz Dia do Blogueiro, tem selinho lá pra vc, fique à vontade para aceitá-lo.

Bom domingo.

beijooo.

Luciana disse...

Oi Silvana
Sei como é meu computador tbém vai pra manutenção por esses dias e é ruim ficar sem mas detesto lanhouse.
Bjs
Lu

Rui da Bica disse...

Linda, Silvana, esta lenda da descoberta do amor entre homem - mulher ! rsrsrs
Beijo
.

Ricardo Riso disse...

Parabéns pelo belo trabalho desenvolvido neste espaço, Silvana!
Grande abraço,
Ricardo Riso

Sofia disse...

Olá, obrigada por visitar meu blog e obrigada por me seguir. Estou te seguindo também, não apenas porque me segue, mas porque o que escreves é lindo...Uma contadora de histórias nota DEZ...Parabéns pelos blogs que tem e pelo seu dia de hoje!!!
Beijos,
Um ótimo final de semana.

Eduardo Miguel Pardo disse...

Oi Silvana! fiquei feliz por sua visita e palavras, adoro quando passa por lá, seu blog está cada vez mais interessante, saudações verdes! rs abraço grande!

Andrea Guim disse...

Oi, Silvana!! Feliz dia do blogueiro e do contador de histórias!!!

Amanhã o Blog'Arte vai fazer sua primeira PROMÔ!!!
Não deixa de passar por lá e participar!!!

Beijins,
Andrea Guim

Vitor Chuva disse...

Olá Silvana!

Está lindamente contada esta história da descoberta do prazer desconhecido ... e à espera de ser descoberto - em registo de conto infantil, ingénuo, e cheio de encanto.
E parabéns! Afinal parece que é dia dos bloguistas, e eu não fazia a mínima ideia - nem que houvesse tal dia - e a Silvana merece-os bem!

Beijinhos; bom fim de semana!
Vitor

Bordados e Retalhos disse...

Sil,
Adorei ler a história e mais ainda de saber que Contadores de História tem um dia especial. Sabe acho que nunca fui um boa contadora de histórias. Acho que muitas vezes o cansaço me impediu de contá-las aos meus filhos e hoje sinto que faltou alguma coisa. Desculpa, as vezes fico me sentindo assim... Bjs amiga

Lilá(s) disse...

É deste jeito que eu gosto de ouvir contar.Parabéns.
Bjs

micael disse...

Já lá vão tantos anos e não há maneira de se curar a mulher! Raios a partam, elas continuam na mesma. Também tentei resolver... Mas... nada! Mas ainda não desisti!
Se não consegui à primeira, nem à segunda, nem à terceira... há-de ser à milésima vez! Ou não?
Já viram a trapalhada em que o mundo ficou? Gasta-se um dinheirão a fazer roupas para mmulheres. Um paninho para tapar ali, outro para tapar acolá...
Deus pregou uma grande partida ao homem! Criativo, foi!.. Oh! Se foi!

Bom fim de semana.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Mais uma para enriquecer o meu repertório. Adorei. Parabéns pelo seu dia.

Beijos e ótimo final de semana.

Furtado.

FOTOS-SUSY disse...

OLA SILVANA, MARAVILHOSA HISTORIA...FELIZ DIA DO BLOGUEIRO!
QUE TENHA UM OPTIMO DOMINGO...BEIJOS DE AMIZADE,


SUSY

Mizinha disse...

Querida SILVANA! que história linda,e Parabéns pra voce,que sempre está nos avisando que a vida pode ser sempre magíca,sem maldades,e muito simples de se viver,bjs

εїз ViViAn ★ Sbrussi /(",)\ disse...

Oieeee!
viva o dia do blogueiro!
viva nós, hehehe

=D

☆ . ☆

тєηhα µмα fєliz þάscσα…
Qµє σ cσєlhiηhσ тє тrαgα мµiтσ мαis
qµє siмþlєs σvσs đє chσcσlαтє…
Qµє єlє тє тrαgα мµiтα sαúđє, αмσr,
fєliciđαđє, cσмþrєєηsãσ, cαriηhσ…
Qµє vσcê sєjα αвєηçσαđσ
þσr αqµєlє qµє ησs đєµ Sµα viđα…
É σ qµє тє đєsєjσ siηcєrαмєηтє
þσrqµє αмigσs cσмσ vσcê α gєηтє ηãσ þσđє єsqµєcєr…

Fєliciđαđєs!!!

Fєliz þάscσα!!!

(autor desconhecido)

☆:·.★ViViAn★·.☆ Sbrussi εϊз.εϊз.εϊз /(“,)\

☆ . ☆

Sonia Schmorantz disse...

Quando a ternura
parece já do seu ofício fatigada,
e o sono, a mais incerta barca,
inda demora,
quando azuis irrompem
os teus olhos
e procuram
nos meus navegação segura,
é que eu te falo das palavras
desamparadas e desertas,
pelo silêncio fascinadas.

Eugénio de Andrade

Um lindo domingo e uma semana de paz e sucesso em tudo que fizer.
Um abraço

Sônia

Daniel Savio disse...

É interessante o dia do contador de história, mas com certeza curar a mulher da mestruação deuz outro problemas como enjoos e desejos para comidas estranhas...

Hua, kkk, ha, ha, brincadeira com um fundo de verdade.

Fique com Deus, menina Silvana.
um abraço.

SolBarreto disse...

AMEI!!
Foi uma das coisas mais lindas que ja vi por aqui....
Adoro esse cantinho!e amei a musica tambem ...gostaria de saber o nome, ela me fez ir de volta a um passado que nem e meu, mas que gosto muito...sei la uma coisa meio louca rsrs

Sônia Silvino disse...

Mas, você tem as mais belas e mais interessantes!
Bjkas, muuuitas! Bom domingo!

•.¸¸.•*♥*•.¸¸.• Sanzinha •.¸¸.•*♥*•.¸¸.• disse...

E, principalmente, parabéns a você, Silvana, que sempre nos encanta com suas histórias fabulosas.

Beijo grande e ótima semana!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Silvana!
"Queria apenas falar contigo
Dizer-te o que sinto
Dizer-te o que penso
Esteticamente ou por timidez
Será formal ou será que é feio dizer..."
Feliz Dia da Poesia e Boa Semana!
Beijos

PSICO? LÓGICO! disse...

Olá!! Tem selo pra vc no meu blog! Fique à vontade se quiser pegar... O que vale é a homenagem!

Abraços!

PSICO? LÓGICO! disse...

Olá!! Tem selo pra vc no meu blog! Fique à vontade se quiser pegar... O que vale é a homenagem!

Abraços!

Morena disse...

N sei qual das duas passagens foi melhor!
Beijos saltitantes
Bom domingo

tossan disse...

Muito bom viu! Sim o importante é interagir. Ótimo texto! Abraço

PS: Obrigado pela visita fiquei feliz. Mas não falastes nada do meu trabalho.

ღMily ღ disse...

vim retribuir sua visita silvana,muito obrigada,ja estou seguindo seu blog q afinal de contas achei muito bom.Desejo a vc uma semana abençoada,parabens pelo dia do blogueiro,beijos

milton toshiba disse...

Que riqueza de detalhes seu blog Silvana, parabéns. Depois virei com mais calma.

Aquela foto foi de um iPhone, mas uso também um Nokia N95 8gb.

Bom domingo

:)

SolBarreto disse...

É ruim em...abandonar?jamais! rsrsr to sempre aqui, adoro esse cantinho, adoro esse Brasil que só você sabe contar e mostrar!

as arteiras disse...

Olá, Silvana!
Vim ler suas histórias. Adorei todas!
Moro na cidade, mas as vezes a net também nos prega peças. Fiquei uns dias sem ela. Não abandonei vc não!
Me fascina ouvir histórias ou ler.
Tenha uma boa semana!
Bjs!!
As arteiras

Denise Guerra disse...

Olá Silvana, saudades de vc! PARABÉNS PELO SEU DIA afinal vc nos conta as mais lindas histórias como ninguém! Sei que vivemos num corre-corre, e o trabalho tem me impedido de visitá-la com mais frequência mas, saiba que não a esqueço pois, este seu trabalho deixa uma marquinha boa no nosso coração então, não há como esquecer-te! Convido-a p/ ver as notícias da Revista África e Africanidades que está começando um ciclo de palestras e cursos, as informações estão no http://afrocorporeidade.blogspot.com
E também convido-a para visitar o Blog Ecos da Cultura Popular para ver A Rota Dos Pajés, um lugar mágico em Brasília (incrível como isso é possível!). Salve a Diversidade pois, hoje é o DIA INTERNACIONAL DE LUTA PELA ELIMINAÇÃO DA DISCRIMINAÇÃO RACIAL! bJS! http://ecosdaculturapopular.blogspot.com

Viiii disse...

Que linduuuuu!!
Adoro suas histórias e parabéns!
Beijos

Rosa Carioca disse...

Parabéns a Você e obrigada por nos contar tantas belas histórias.

Denise Guerra disse...

Oi Silvana, voltei porque achei o CREDO DO CONTADOR DE HISTÓRIAS que é a sua cara! postei no blog Ecos, passe lá pra ler. bjs!
http://ecosdaculturapopular.blogspot.com

Simplesmente Luísa disse...

Uau! Não sabia q hj era meu dia! rs
Adorei seu blog... Parabéns!
Beijos!!!

Almirante Águia disse...

Nossa...

Silvana, este blog é um show, textos e imagens, ainda não tinha feito visita mais profunda como fiz agora, ótima fonte de pesquisa, demais para entretenimento, também me aventuro pelo mundo da contação de histórias, atualmente, hoje mesmo, começam a aparecer uns pequeninos aqui em casa, pedindo para que eu conte algumas historinhas, a maioria eu mesmo invento, estou tentando passá-las para o papel, este seu blog somente me incentiva mais.
Parabéns

Tenha uma boa semana
Altair Ramos

nereida disse...

Que história linda...
Silvana...faz muito tempo, né?
Agradeço sua presença e seu sempre carinho lá no meu espaço( atualmente,um pouquinho "abandonado" por falta de tempo!).
Sinto muita falta de vcs, meus amigos poetas, contadores de histórias, blogueiros sempre; porém, tenho dedicado-me , nos últimos meses ao estudo e ao trabalho( estou fazendo Pós-graduação e concursos!).
Espero retonar o mais breve possível, de onde paramos( paramos???)nossos contatos e troca de experiências, essas tão especiais para mim!
Fique com Deus e com o meu carinho e amizade!Um abraço,
Nereida

PS: Atualizei o Post...já não era sem tempo! rsrsrs

VELOSO disse...

Então foi assim! Muito linda a história muito lindo adoro as lendas indigenas ! Quanta sabedoria e simplicidade! Mantenha contato!

Sonhadora disse...

Minha querida
que linda história, encantada mesmo.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Amapola disse...

Boa noite Silvana.
Ele se empenhou bastante.
Bela história.Parabéns!

Um grande abraço.

Fernanda disse...

Amiga Silvana,

Será que me vai desculpar esta longa ausência???

Sei que sim!
Afinal eu estive só ocupada com Limpar Portugal.
Agora estarei mais disponível e voltarei ao meu normal.
Perdi muitas histórias lindas, vou tentar ler todas e comentar.

Beijos

betty mello disse...

Quem conta um conto aumenta um ponto ???Não ! Distribuimos carinho, fantasia,aconchego...curamos a alma e alimentamos o espírito ! Adorei o conto e ...Parabéns pra nós ! Qdo pude venha nos visitar http://tecendo-historias.blogspot.com e http://canto-do-conto.blogspot.com
Bjs ! Betty

LBJ disse...

http://littleboyj.blogspot.com/2009/05/contador-de-historias.html

A minha pequena contribuição.

Bloguinho da Zizi disse...

Eu diria que todos os dias são dias dos contadores de histórias.
Felizes os que tem um contador de histórias em sua vida, ela fica mais gostosa de se viver.
Parabéns

Tem um selinho que quero compartilhar com vc.

Beijinho

Bloguinho da Zizi disse...

Silvana
Pra uma contadora de história on line como você, imagino o "sofrimento" pra postar.
Mas não se preocupe, nós estamos sempre de olho pra ver se tem novidades.
Foi desse jeito que eu ouvi dizer é uma parada obrigatória pra quem gosta de cultura.
Gratidão
Alzira

Mizinha disse...

Querida Silvana, não desista, tudo vai dar certo, estou torcendo para que restabeleça o sinal de que tanto precisas para poder postar lindas histórias e belas fotos. Eu não vou parar de te visitar, Sei que esta distante dos grandes centros, Mas está no centro de toda nossa Natureza, Assim Deus não vai te abandonar bjs.

ALFRAPOEMAS disse...

Minha prezada Silvana,
Desse jeito se envergonha
Quem inventou a “cegonha”
E até hoje nos engana.
Esta maneira é mais plana,
Mais fácil de convencer.
Quando meu filho nascer
Lhe contarei esta história
E direi cheio de glória:
DESSE JEITO OUVI DIZER!

Abraço

Alfrânio.

Rocio Rodi disse...

Oi Silvana!
Que coisa mais linda o que nos trouxeste neste post: os pais narrativos e quando o poder deles acaba e em nome do amor, da continuidade da vida, das releituras de seus filhos, a descobrir o Mestre dentro deles e com ele vestir o óculos dos próprios dizeres e sentimentos. Autoria em ação! Ler para gostar de ler, exige muito aprendizagem pela fruição. Os contos orais nos aproxima mais do "contador". E nós por aqui, através dos blogs, contamos nossas histórias.
Parabéns!

Mizinha disse...

Obrigada por sua linda presença, em meu blog, me deixou muito feliz em saber que está presente, e ainda me deste o lindo presente hoje onde para a minha surpresa o meu blog completa 3 mil visitas hoje. Obrigada SILVANA, Saudações Florestais! para vc tmbm, bjs

Bergilde Croce disse...

Olá,Silvana!Preciso sempre de um pouco mais de tempo para ler e sobretudo compreender todas as coisas aqui escritas...é sempre um grande aprendizado e muita cultura o que se encontra nos seus registros.Abraços da Itália,Bergilde

Fernanda disse...

Amiga Silvana,

Que amor de história! gostei tanto que li duas vezes e cada vez sempre me sorria mais e mais.
Pena que ele tivesse perdido tanto tempo a prepara chás :)))))))
deviam haver poucos casais de macaquinhos na zona.

A natureza ensina e tem a cura para todas as "doenças".

Beijinhos

VELOSO disse...

FALANDO EM PAIS NARRATIVOS ADORO AQUELA MUSICA DO TITÃS ACHO "MARVIN" SEMPRE CHEGA A HORA DE DEIXAR O NINHO!

Mizinha disse...

Querida Silvana! Não desista não, Eu estou aqui, assim com muitos outros sentindo sua falta...
Hoje quero avisar-te que tens um lindo selinho para voce em meu blog MIMOS DA MIZINHA, O selo COMENTARISTA, voce o merece muito,
Assim que seu blog restabelecer, traga-o para seu cantinho. Um lindo fim de semana para voce. bjs.

REGINA GOULART SANTOS disse...

Silvana, mas que poética e romântica essa história.
Você, aqui, tem sempre um novo conto, lendas e belas histórias para nos agraciar.

Um ótimo final de semana
Beijos

Brancamar disse...

Sua história é maravilhosa.

Que bom não deixar perder a tradição dos contadores de histórias!

Tinha saudade de passar por aqui, embora só te tivesse descoberto quando foi um dia ao meu sítio e tivesse vindo cá com pouco tempo. Perdi seu link, mas lembrei de seu nome e na minha busca te encontrei de novo, vou já levar-te comigo para não perder mais.

Beijinhos
Branca