sábado, 5 de dezembro de 2009

O BOITATÁ.

Imagine uma enorme serpente com olhos brilhantes e
vermelhos e que solta fogo pela boca...dá medo só de
pensar!
Esta é a representação do Boitatá.
O Boitatá é uma lenda indígena e, em Tupi, "Tatá"

significa fogo.
Este mito brasileiro é também conhecido como Batatão, Baitatá Batatal ou

Bitatá.
Dizem que é o mais perigoso dos habitantes lendários da floresta.
O Boitatá ataca animais e homens, mas devora somente os olhos de suas

vítimas e é por isso que seu olhar está sempre iluminado.

16 comentários:

Daniel Savio disse...

Tem uma cidade no estado do Rio de Janeiro que se chama de Batatal, será que foi por isto?

Fique com Deus, menina Silvana.
Um abraço.

Pelos caminhos da vida. disse...

Estou desejando à você
um excelente dia!!
Muita paz, muita alegria
um dia Super Feliz !!


beijooo.

Jorge disse...

Silvana,
Já ouvi falar de boitatá no gibi do Chico Bento.
O folclore brasileiro é muito rico, né?

Saudações urbanas, Silvana!!!

Jorge

Regina Fernandes disse...

Ah! Estava mesmo faltando a lenda do Boitatá! Na minha infância quando eu ia para a fazenda de meus avós em Minas Gerais, essa era a uma das histórias mais contadas. Adorei vê-la transcrita aqui!

Bjs
Luz!

Ramosforest.Environment disse...

Um mundo cultural e encantador.
Luiz Ramos

Sônia Silvino disse...

Assustador, querida Sil! Nossa fada da floresta! Essa lenda foi curtinha, mas assustadora.
Bjs e ótimo fim de semana!

Sônia Silvino disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
FOTOS-SUSY disse...

OLA SILVANA, MAIS UMA EXCELENTE POSTAGEM...ADOREI...VOTOS DE UM OPTIMO FIM DE SEMANA!!!
BEIJOS COM CARINHO,


SUSY

Clecilene Carvalho disse...

Realmente assustador!
Mas é muito bom saber.

beijos!

manuel marques disse...

Ui ,não gosto de cobra...

Abraç.

Eliane disse...

Olá Silvana!
Essa é de assustar mesmo!
Bom fim de semana e beijinhos!

alegria de viver disse...

Olá Silvana
Mas serpente já assusta, imagina soltando fogo.
Com muito carinho BJS.

Sonia Schmorantz disse...

Contei muita história do boitatá para as crianças dormirem rsss
beijo, lindo domingo

fénix renascida disse...

Eu sou péssima com nomes, mas esta história trouxe-me à memória um filme que vi recentemente, sobre um herói lendário de Roma que enfrentou uma deusa. O cabelo dela são serpentes e também ela tem os olhos iluminados. O herói sabe que não a pode olhar directamente nos olhos, pelo que, para a enfrentar, põe diante do rosto o seu escudo. E é assim que ele a vence, pois ao olhar para a sua imagem no escudo, a deusa acaba por aniquilar-se a ela própria.

railer disse...

quando eu era mais novo, achava que ele era um boi, o 'boi tatá'. heheh

Gerana Damulakis disse...

Também já pensei, em criança, que era um boi. Aqui aprendo.